Eu trabalho com:

Estádios Copa 2014

Voltar

Estádios da Copa 2014 Brasil

Foram 45 mil metros de tubos de ferro fundido fornecidos pela Saint-Gobain Canalização para 8 das 12 arenas construídas para os jogos da COPA 2014. Um total de 492 toneladas de estrutura do Sistema EPAMS, responsável pela drenagem e aproveitamento de águas pluviais nas dependências dos estádios, contribuindo para a redução de custos.

A Arena Castelão (Fortaleza), por exemplo, está entre os espaços que receberam o EPAMS. A estrutura contribuiu para a conquista do LEED (Leadership in Energy and Environmental), como o primeiro estádio do torneiro mundial a receber certificação de melhores práticas em construção civil sustentável. O título internacional é concedido pela Green Building Council Brasil (GBC Brasil), na qual a Saint-Gobain Canalização é membro.

Outros estádios com instalação do Sistema EPAMS: Maracanã (Rio de Janeiro – RJ), Arena Pernambuco (Recife – PE), Arena Castelão (Fortaleza – CE), Arena Grêmio (Porto Alegre – RS) , Estádio Nacional Mané Garrincha (Brasília – DF) , Arena de Itaquera (São Paulo – SP), Arena das Dunas (Natal – RN) e Arena Pantanal (Cuiabá – MT).